Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Artigos > Discurso da representante do MEC em São Paulo
Início do conteúdo da página

Discurso da representante do MEC em São Paulo

Publicado: Segunda, 02 de Junho de 2008, 12h45

Discurso da representante do MEC em São Paulo, Sra. Ana Maria Tiseo,na cerimônia de posse dos professores da Universidade Federal do ABC,ocorrida na FAAP em 01/08/2006

É com grande satisfação que eu, em nome do Ministro da Educação,Professor Fernando Haddad, em meu próprio nome e em nome de todos osservidores da Representação do Mec no Estado de São Paulo (ReMEC/SP),recepcionamos os futuros servidores e docentes na mais novauniversidade federal de nosso país.

O dia de hoje é um diamuito especial por diversos motivos. Primeiro, porque há algumasdécadas não se criava uma nova universidade federal entre nós.

Segundo, porque esta nova universidade veio a ser criada no Estado deSão Paulo e, justamente, numa região que há meio século vemcontribuindo decisivamente com o crescimento e o desenvolvimentoeconômico, social e político deste país.

A criação daUniversidade Federal do ABC é além da realização de um antigo desejo,e do cumprimento de uma promessa do presidente Lula um ato dereconhecimento público ao relevante papel que os moradores,trabalhadores e empresários dos municípios do ABC têm desempenhado naconstrução de nosso país !

Com a criação da UniversidadeFederal do ABC e conforme o espírito do projeto que anima a suaconstrução, nessa região coração fabril do Estado de São Paulo e doBrasil passará também a haver um pólo de criação de conhecimento ede inovação tecnológica.

Por isso, seria um equívoco ver nacriação da Universidade Federal do ABC apenas o cumprimento por partedo Governo Federal e do Ministério da Educação da proposta de expansãodo ensino superior público desta nação.

Embora isso também seja verdadeiro e importante, a UFABC representa muito mais que isso.
Não se trata apenas de oferecer mais vagas e oportunidades de formaçãosuperior à população de uma região que há muito ansiava por umauniversidade federal, mas de criar as condições para que aengenhosidade inegável de uma população laboriosa, como a do ABC, sejatambém aplicada na produção de conhecimento e no desenvolvimento denovas tecnologias.

No mundo contemporâneo - que muitos chamamde Sociedade do Conhecimento, em contraste com a sociedade industrialque lhe precedeu - é a associação do trabalho com o conhecimentotecnológico que se constitui na chave para um desenvolvimento econômicosustentado, para a promoção do bem-estar coletivo e para o plenodesenvolvimento individual.
Portanto, senhores servidores da UFABC, o papel que lhes cabe na construção desta nova universidade é da maior relevância.

De vocês depende, em grande parte, o sucesso desse ambicioso projeto.

O desafio é grande, mas enormes também são os meios para enfrentá-lo.Afinal, a UFABC é uma universidade que está sendo construída do zero, enão criada a partir do desmembramento de uma instituição anterior, oupela associação de faculdades já existentes.

A UniversidadeFederal do ABC não tem uma estrutura pré-existente, um corpo defuncionários antigos e uma cultura organizacional anterior. Portanto,ela não é herdeira de nenhuma virtude, mas também não tem nenhum vício.

Tudo está por ser construído, e essa é uma grande vantagem que vocêstêm sobre aqueles servidores que ingressam em instituiçõesanteriormente constituídas.
Aqueles servidores têm poucas chancesde influenciar a cultura da sua organização, devendo, antes, se adaptarà cultura já existente.

No caso de vocês, tudo está por ser feito.

A cultura organizacional que a UFABC vier a ter será, em grande parte,resultante da ação dos senhores , das relações interpessoais que vierema estabelecer, do engajamento dos senhores no desenvolvimento doprojeto institucional e na criação de um ambiente de trabalho agradávele cooperativo.

Ao longo desses anos como servidora daReMEC/SP, tive a oportunidade de acompanhar a trajetória de muitasinstituições de ensino superior no Estado de São Paulo.

Vi instituições surgirem, desenvolverem-se , entrarem em crise e fecharem as portas!
É claro que muito do sucesso, ou do fracasso, de uma instituição deensino depende da sua administração superior e do seu corpo dedocentes, e também dos seus funcionários técnicos e administrativos.

Cada servidor desempenha um papel importante e complementar no conjuntoda organização e, por isso, chamo a atenção dos senhores para aimportância do papel de cada um na construção dessa nova universidade ena construção do seu futuro dentro dela.

Vejo, aqui, que este, provavelmente, deve ser o primeiro emprego de alguns.

Imagino que nesta situação vocês estejam cheios de expectativas em relação a este novo trabalho.
Por isso, digo sinceramente a todos os senhores que aproveitem deste ânimo e energia positiva que os anima para investir na construção de umambiente de trabalho sadio e cooperativo em que todos e cada um sesintam bem e participante da construção desta Universidade, que temtodos os requisitos para figurar, nos próximos anos, entre as maisreputadas instituições de ensino superior do país.

Desejotambém que vocês aproveitem bem o dia de hoje, durante o qual assistirão a algumas palestras e desenvolverão outros trabalhos eatividades.
Como os senhores terão a oportunidade de ver, ao longodo dia, o serviço público tem suas características bem especiais, que odiferenciam de todas as demais atividades exercidas no setor privado.

Não é melhor, nem pior que o setor privado; é apenas diferente.

E essas diferenças precisam ser devidamente levadas em conta, tantopara o bom desenvolvimento da nova universidade, quanto para asatisfação dos seus alunos, servidores e professores.
Para nós, daReMEC de São Paulo, está sendo razão de muita satisfação podermosrecepcioná-los e contribuir no que for possível - para o sucesso daUniversidade Federal do ABC.

Contem conosco.

E boa sorte e muito sucesso nesse novo período que se inicia.

Registrado em: Artigos
Fim do conteúdo da página