Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Divulgação Científica > A relação entre movimentos sociais e políticas públicas: um estudo de caso sobre as Madres de Plaza de Mayo
Início do conteúdo da página

A relação entre movimentos sociais e políticas públicas: um estudo de caso sobre as Madres de Plaza de Mayo

UFABCiência - Qual o tema da sua pesquisa?

Laís - A relação entre movimentos sociais e políticas públicas, a partir de um estudo de caso sobre as Madres de Plaza de Mayo, movimento popular surgido durante a ditadura militar argentina e que visava encontrar filhos desaparecidos, ativo até os dias atuais e considerado um ator de políticas públicas.

UFABCiência - Por que escolheu estudar esse tema?

Laís - Por se tratar de uma temática ainda pouco abordada dentro dos estudos de Políticas Públicas, que estão muito centrados na análise e avaliação de políticas. Analisar um movimento social que está fora do processo institucionalizado de implementação de políticas públicas permite que a sociedade tenha a percepção de que não é somente o poder público o responsável pela criação, implementação e avaliação de uma política. Estudar as Madres de Plaza de Mayo também faz com que o debate acerca da democracia seja retomado, deixando sempre viva essa história, para que nunca mais aconteça. Além disso, a maioria dos estudos encontrados sobre as Madres estavam relacionados aos direitos humanos e também à psicologia; não foi encontrado nenhum estudo que falasse sobre sua trajetória mais recente, mais especificamente sobre seu engajamento com projetos de políticas públicas.

UFABCiência - Como realizou?

Laís - Foi realizada uma revisão bibliográfica da temática, a respeito das teorias dos novos movimentos sociais, a fim de verificar suas características e de que forma as Madres enquadram-se ou não nesses estudos. Também foi realizada uma reconstituição e análise dos 39 anos de luta das Madres, a partir de documentos, declarações oficiais e outros artigos e notícias que contribuíram para traçar mudanças em seu discurso ao longo dos anos. Essa análise permitiu verificar os momentos em que estiveram mais próximas ou distantes do Estado, de forma a traçar um panorama de como essa relação influenciou na criação de seus projetos de políticas públicas. Para complementar o estudo, foi realizada uma pesquisa de campo na Argentina, para entrevistar as Madres e os beneficiados por suas políticas públicas, bem como outras figuras importantes para entender sua trajetória. Na ocasião, também foram visitados alguns de seus projetos, a fim de colher mais material para a realização do estudo.

UFABCiência - Quais foram os resultados alcançados?

Laís - Foi possível compreender o porquê de as Madres terem permanecido como um movimento social ativo mesmo com o fim da ditadura militar; essa postura deu-se ao longo dos anos, devido à sua relação com o Estado. Uma vez que suas demandas não foram atendidas de imediato, tiveram de encontrar alternativas para tentar reduzir as desigualdades sociais na Argentina, passando a lutar pelo modelo de sociedade pelo qual seus filhos morreram. Também foi possível verificar que outros movimentos sociais no cenário argentino passaram por um processo semelhante ao das Madres, buscando novas formas de organização e de atuação. Por fim, foi possível verificar a importância de a sociedade civil organizada estar presente na tomada de decisões do Estado, atuando por meio de mecanismos de participação.

UFABCiência - Quais as dificuldades encontradas?

Laís - Uma das maiores dificuldades foi encontrar dados oficiais sobre o alcance e o financiamento das políticas públicas executadas pelas Madres, uma vez que essas informações não estão em seu site oficial e, quando solicitadas por meio de seus canais de comunicação, tampouco foram atendidas. Também foi difícil colher entrevistas durante a pesquisa de campo, principalmente das próprias Madres, em virtude de sua idade avançada.

UFABCiência - Deixe uma frase que sintetize a importância da contribuição da sua dissertação para o universo científico e o cotidiano das pessoas.

Laís - O estudo dos movimentos sociais inspira e ajuda no empoderamento da sociedade, que passa a não esperar que as políticas venham apenas do poder público, mas faz com que todos sintam-se responsáveis pela redução das desigualdades e por uma sociedade mais igualitária e justa.

Laís Siqueira Ribeiro Cavalcante

Perfil

Laís Siqueira Ribeiro Cavalcante

Mestra em Políticas Públicas pela UFABC e Bacharela em Relações Internacionais pela UNESP, atua na área de pesquisa de mercados na América Latina.

Registrado em: Divulgação Científica
Fim do conteúdo da página