Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Divulgação Científica > Pesquisa analisa e classifica movimentos humanos utilizando um smartphone com auxílio de inteligência artificial
Início do conteúdo da página

Pesquisa analisa e classifica movimentos humanos utilizando um smartphone com auxílio de inteligência artificial

Título do trabalho: Classificação de movimentos humanos utilizando um smartphone com auxílio de inteligência artificial.

Orientador: Prof. Dr. Michel Oliveira da Silva Dantas.

UFABCiência: Qual o tema da sua pesquisa?

Jonathan: Analisar e classificar, de forma automática, movimentos humanos rotineiros.

UFABCiência: Por que escolheu estudar esse tema?

Jonathan: Durante minha vida acadêmica, percebi que os trabalhos que despertavam maior interesse, tanto de investimentos quanto de apoio docente, eram os que, de alguma forma, envolviam humanos. Desde então, minhas propostas de trabalho são sempre aplicadas em humanos. A pesquisa de movimentos humanos envolve uma grande área de concentração acadêmica, além de ser um objeto de pesquisa multidisciplinar, podendo ser aplicado, por exemplo, nas áreas de medicina (recuperação de movimentos); educação física (avaliação de desempenho atlético); e jogos interativos, área que se interessa pela captação de movimentos humanos e sua transferência para o mundo digital. Dessa forma, essa é uma área desafiadora e isso me motiva a trabalhar nessa linha de pesquisa.

UFABCiência: Como realizou? 

Jonathan: A pesquisa utiliza um smartphone, alocado no bolso do indivíduo. Esse smartphone, como qualquer outro, possui sensores internos do tipo acelerômetro e giroscópio, que captam os sinais dos movimentos realizados. Esses sinais são enviados, sem fio, para um computador que utiliza duas técnicas diferentes de inteligência artificial para classificar o tipo de movimento realizado. Cada pessoa tem características específicas ao se movimentar e, por conta disso, a inteligência artificial é capaz de pensar e distinguir o movimento realizado em qualquer tipo de pessoa.

UFABCiência : Quais foram os resultados alcançados?

Jonathan: Quando se trabalha com inteligência artificial, a mensuração a ser realizada está ligada a uma taxa de acertos, ou seja, à capacidade do sistema inteligente de acertar um determinado movimento. Os movimentos estudados foram: andar, correr, subir e descer escadas, parar, sentar e deitar. A taxa de acertos para cada movimento foi: andar - 100%; correr - 100%; subir escadas - 73,07%; descer escadas - 85%; parar - 100%; sentar - 90,90%; deitar - 100 %.

UFABCiência: Quais as dificuldades encontradas?

Jonathan: Por se tratar de uma pesquisa que envolve testes com humanos, a grande dificuldade foi conseguir uma grande quantidade de voluntários para realizar diversos percursos, com o objetivo de obter um resultado sólido.

UFABCiência: Deixe uma frase que sintetize a importância da contribuição da sua dissertação para o universo científico e o cotidiano das pessoas.

Cada vez menos utilizamos os músculos do corpo, fazendo com que se atrofiem e entrem em falência. Por meio do estudo de movimentos humanos, é possível compreender muitas coisas que ocorrem em nossa vida.

Jonathan Reis Nascimento

Perfil

Jonathan Reis Nascimento

Jonathan Reis Nascimento, Mestre em Engenharia Elétrica pela UFABC, Tecnólogo em Sistemas Eletrônicos pelo Instituto Federal de São Paulo (IFSP) e Bacharel em Engenharia Elétrica pela Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL). Atua na área de eletrônica de potência e análise de sinais na Empresa SEW Eurodrive do Brasil Ltda.

Registrado em: Divulgação Científica
Fim do conteúdo da página