Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Voluntários produziram mais de mil protetores faciais para doação
Início do conteúdo da página

Voluntários produziram mais de mil protetores faciais para doação

Publicado: Quinta, 11 de Junho de 2020, 13h41

Um coletivo com 10 voluntários e makers, idealizado pelo aluno José Luís de Freitas do curso de Relações Internacionais da UFABC, atua desde março na produção de protetores faciais. Com o nome de ABC Shield, o grupo agregou cerca de 10 impressoras 3D com capacidade de produzir esses dispositivos e atender demandas de instituições de saúde, especialmente na Região do ABC. Durante o momento mais crítico da indisponibilidade de equipamentos de proteção, o coletivo conseguiu apoio de empresas privadas e entregou mais de mil unidades a órgãos municipais e a profissionais que necessitavam desse equipamento.

O objetivo atual deles é manter a mobilização e a capacidade de produção dos protetores, pensando em necessidades do período pós-pandemia. Para José Luís, a volta gradual ao contexto presencial ocorrerá com a manutenção de cuidados e uso de dispositivos de proteção. Ele considera, por exemplo, importante a continuidade da produção e o estoque de protetores faciais para uso de servidores e alunos.

José Luís prevê demandas específicas no início do retorno aos espaços físicos da Universidade, como as direcionadas às atividades de engenharia biomédica. O aluno conta que outra prioridade do ABC Shield é criar condições para atuação conjunta com outros coletivos. "Conversei com professores e alunos de projetos com propostas convergentes e concluímos ser possível integrar as iniciativas de impressões em 3D."

Informações e detalhes sobre as atividades do ABC Shield estão disponíveis no perfil do coletivo

Assessoria de Comunicação e Imprensa

Registrado em: Notícias
Fim do conteúdo da página