Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > I Congresso da Andifes discutiu ações de combate à Covid-19 e protocolos de retorno às atividades acadêmicas
Início do conteúdo da página

I Congresso da Andifes discutiu ações de combate à Covid-19 e protocolos de retorno às atividades acadêmicas

Publicado: Segunda, 22 de Junho de 2020, 17h47

"Realidade e futuro da Universidade Federal" foi o tema do I Congresso da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) que ocorreu, de forma virtual, entre os dias 17 e 19 de junho.

Todos os estados brasileiros estiveram representados no evento, por meio da participação de 33 universidades. A Andifes avalia como significativa a audiência alcançada em seu canal do YouTube durante as transmissões do I Congresso: "foram mais de 2.700 internautas, além daqueles que acompanharam diretamente pelas plataformas disponibilizadas por cada universidade. Salvador, São Paulo, Rio de Janeiro, Teresina, Rio Branco e Belo Horizonte foram as capitais com maior número de acessos".

Dentre as discussões promovidas, teve destaque o compartilhamento de dados, pesquisas e experiências relacionadas aos desafios e à busca de soluções para o enfrentamento da pandemia de Covid-19, na diversidade dos territórios em que se encontram as IFES brasileiras, aspecto destacado pelo presidente da Associação e reitor da Universidade Federal da Bahia, João Carlos Salles.

"No momento da pandemia, cada realidade, cada universidade, na sua diversidade, tem uma reflexão própria e está tomando medidas, está avançando com o consenso da sua comunidade para enfrentar essa situação absolutamente inusitada. E nós estamos trabalhando para ter padrões comuns, que respeitem a diversidade, mas, ao mesmo tempo, garantam a qualidade, o orçamento da universidade pública e o investimento necessário”, frisou.

Para tratar sobre cenários de retomada das atividades acadêmicas com segurança e qualidade, a UFABC promoveu, no primeiro dia do Congresso, uma mesa de debate durante a qual os professores Vitor Marchetti e Márcia Speranza dialogaram com a vice-presidente da Fiocruz, Cristiani Machado. Na ocasião, para além do destaque à atuação dessa instituição quanto à elaboração de protocolos, divulgação científica e desenvolvimento de pesquisas na área de saúde, foram abordados os desafios a serem enfrentados pelas universidades em suas diferentes regiões, à luz de experiências de outros países federativos como o Brasil.

Durante o I Congresso, houve reuniões de seus colégios e fóruns assessores, bem como a Plenária Nacional da Andifes. Tomaz Aroldo da Mota Santos, ex-presidente da Associação e primeiro reitor negro (UFMG, de 1994 a 1998; e UNILAB, de 2015 a 2016), foi homenageado por ocasião de seu falecimento na manhã do dia 18. O evento foi encerrado com a conferência proferida pelo professor Roberto Romano, do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, da Universidade Estadual de Campinas.

"O I Congresso da Andifes foi fundamental para destacar o significativo conjunto de ações que nossas Universidades vêm realizando no combate à pandemia, assim como os apoios prestados às comunidades em que nos inserimos”, avalia o professor Dácio Matheus, reitor da UFABC e coordenador regional do sudeste da Andifes. Para ele, “o Congresso promoveu o debate dos parâmetros que deveremos seguir para o retorno, ainda que incerto, das atividades presenciais nas Universidades, sempre orientados pela preservação de nosso valor maior: a vida".

Confira matéria sobre a programação completa do I Congresso da Andifes em: http://www.andifes.org.br/i-congresso-andifes-destaca-acoes-das-universidades-federais-no-combate-ao-coronavirus/

Veja no vídeo como foi o debate:



Veja também vídeo com levantamento do Colégio de Gestores de Comunicação das Universidades Federais (Cogecom) que mostra como as instituições estão atuando no combate à pandemia da Covid-19 em todo o Brasil:



Assessoria de Comunicação e Imprensa
(Com informações da Andifes)

Registrado em: Notícias
Fim do conteúdo da página