Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Reitores das IFES paulistas solicitam R$ 60 milhões em emendas parlamentares
Início do conteúdo da página

Reitores das IFES paulistas solicitam R$ 60 milhões em emendas parlamentares

Publicado: Quarta, 09 de Outubro de 2019, 15h48

Os reitores da Universidade Federal do ABC (UFABC), Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e do Instituto Federal de São Paulo (IFSP) se reuniram em Brasília com a bancada de parlamentares do Estado de São Paulo na última terça (1) e quarta-feira (2) para discutir a possível destinação de verbas de emendas ao Orçamento da União.

Na oportunidade, os dirigentes apresentaram um vídeo preparado por todas as instituições, sob a coordenação da UFABC, no qual foram destacados os resultados de investimentos oriundos de emenda parlamentar no ano de 2019, como a implantação de laboratórios de ensino e a continuidade de obras para o desenvolvimento de atividades acadêmicas das quatro instituições. Veja a íntegra do vídeo.

Além desse material, foi entregue ofício com agradecimentos e nova solicitação de recursos de investimentos da bancada, para que seja possível fazer frente às carências das instituições em contexto no qual a versão inicial do Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) 2020 se apresenta aquém das suas necessidades. Veja a íntegra do ofício.

A demanda prevê o recebimento de 60 milhões de reais a serem divididos igualmente entre as quatro instituições. Reafirmando o seu compromisso com o desenvolvimento econômico e social do Estado, os reitores acompanham o desenrolar dessa solicitação que poderá garantir a finalização de obras e de laboratórios para os 49 Campi das instituições de ensino federais, distribuídos em 42 municípios paulistas.

Durante sua estadia em Brasília, o reitor da UFABC, Dácio Matheus, também participou da Marcha pela Ciência no Congresso Nacional, juntamente com a reitora da Unifesp, Soraya Smaili. Promovida pela Iniciativa para a Ciência e Tecnologia no Parlamento (ICTP.br), a marcha contou com o apoio de 46 entidades científicas, acadêmicas e tecnológicas. A ação teve o intuito de sensibilizar os parlamentares sobre os possíveis impactos de cortes de recursos para a educação e a ciência, previstos até o momento pelo PLOA 2020. Veja a carta da Iniciativa para a C&T no Parlamento.


Assessoria de Comunicação e Imprensa

 

 

Registrado em: Notícias
Fim do conteúdo da página