Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > UFABC e Parque Tecnológico de Santo André inauguram ambiente para desenvolver a Indústria 4.0
Início do conteúdo da página

UFABC e Parque Tecnológico de Santo André inauguram ambiente para desenvolver a Indústria 4.0

Publicado: Sexta, 30 de Abril de 2021, 14h40

Iniciativa teve lançamento no dia 28 de abril, em workshop online.

A Universidade Federal do ABC (UFABC), em parceria com o Parque Tecnológico de Santo André, irá disponibilizar estrutura para as empresas desenvolverem seus processos industriais com tecnologias de Indústria 4.0.

A iniciativa teve seu lançamento divulgado na última quarta-feira, dia 28 de abril, em um workshop online e gratuito que discutiu os benefícios e implicações da Indústria 4.0 e apresentou o Smart Testbed UFABC, que oferecerá às empresas industriais um ambiente para capacitação, desenvolvimento de testes de conceito e prototipagem vinculados às tecnologias da Indústria 4.0.

O Smart Testbed UFABC vem sendo desenvolvido desde 2019, com o apoio da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), e atua como uma “fábrica inteligente”, com a aplicação das tecnologias de Manufatura Aditiva, Digital Twin, Simulação, IoT (Internet das Coisas), Robô Colaborativo, Sistema de Visão, Realidade Virtual, RFID (Rastreabilidade) e MES (Manufacturing Execution System).

De acordo com o secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego de Santo André, Evandro Banzato, não só a cidade, mas também a região poderá se fortalecer industrialmente com a iniciativa.

“Segundo a Fundação Seade, praticamente 21,3% do PIB de Santo André vem da indústria. Isso é quase o dobro da média brasileira que vem sofrendo forte processo de desindustrialização. Estamos certos que Santo André e a nossa região podem aumentar ainda mais seu protagonismo industrial com a inserção definitiva na era da Indústria 4.0", afirmou o secretário Evandro Banzato.

A iniciativa também tem como parceiros o Itescs (Instituto de Tecnologia de Santo André), Coalização Digital ABC, a Associação Brasileira de Engenharia Automotiva, Associação de Engenheiros Brasil-Alemanha, SAE Brasil e a Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Universidade Federal do ABC.

"A fantástica iniciativa da UFABC, na figura de seus professores Ugo Ibusuki e Franciane Silveira, com apoio da ABDI e do Parque Tecnológico de Santo André coloca para os empresários industriais da nossa região um caminho facilitado para entender e adotar novas tecnologias que vão ajudá-los a ter seus processos mais eficientes, competitivos e melhor preparados para competir globalmente”, complementou Banzato.

Parque Tecnológico de Santo André – Atualmente, Santo André conta com o Parque Tecnológico e de Inovação, que é parte fundamental da política de desenvolvimento econômico já em operação pela Prefeitura e tem como missão promover a inovação e competitividade nas empresas, potencializando as estruturas já existentes na cidade e região, estimulando a extensão tecnológica nas instituições de ensino superior e atuando nas oportunidades econômicas do ABC.

O Parque conta com os serviços como: Bureau de Serviços Tecnológicos, Hub de Inovação e, futuramente, o CIte (Centro de Inovação, Tecnologia e Empreendedorismo de Santo André).

O Parque Tecnológico de Santo André traz em sua essência a integração e colaboração entre os atores locais de ciência, tecnologia e inovação, e irá se somar às estruturas já existentes das sete cidades que compõem o Polo Tecnológico do ABC, uma região com economia altamente relevante para o país, com o quarto maior PIB do Brasil, terceiro maior valor adicionado da indústria e com o quinto maior mercado consumidor do país.


Texto adaptado pela Assessoria de Comunicação e Imprensa da Universidade Federal do ABC (ACI UFABC) em 30/04/2021.

Texto originalmente escrito por Guilherme Menezes e Renan Muniz/Prefeitura de Santo André. Publicado no site da Prefeitura de Santo André em 23/04/2021.

Registrado em: Notícias
Fim do conteúdo da página